Casal é preso por fraudar compra e venda de carros em JP e causar prejuízos

Policial 06/01/2017 às 19:52


Duas pessoas foram presas nesta sexta-feira (6) e uma está foragida, suspeitas de associação criminosa. Segundo a polícia, o trio negociava veículos de forma fraudulenta e teria feito várias vítimas em João Pessoa. O homem de 54 anos foi preso no Conde, na Grande João Pessoa, enquanto a esposa dele, de 33, foi localizada em Paratibe, na Capital.
 
A Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) em João Pessoa divulgou que chegou aos suspeitos após denúncia de uma vítima que disse ter negociado um veículo S10 com os três suspeitos. 
 
O homem que está foragido teria sido o responsável pela intermediação da negociação; o suspeito preso teria feito o registro do veículo e a suspeita teria emitido assinatura dos cheques fraudados utilizados como forma de pagamento do veículo avaliado em R$ 39 mil. Os cheques emitidos foram devolvidos por terem sido fraudados e a vítima arcou com o prejuízo, além de ficar sem carro. A DDF investiga mais casos com outras vítimas.
 
O casal preso em flagrante foi enquadrado nos crimes de estelionato e falsidade ideológica e permanecerá na carceragem da Central de Polícia do Geisel, em João Pessoa, aguardando a audiência de custódia. 
 
De acordo com a polícia, todos os envolvidos responderão pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica, associação criminosa e outras condutas, a depender da conclusão das investigações, podendo ser condenados a mais de 11 anos de reclusão.
 
VITRINE DO CARIRI
Portal Correio

Compartilhe isso

Comentários