Secretária de Saúde diz que sua primeira luta será renovar convênio do hospital e abrir UPA em Serra Branca

Regional 09/01/2017 às 21:48


A nova secretária de saúde de Serra Branca, Débora Charmene, concedeu sua primeira entrevista após ser empossada no cargo nesta segunda-feira (09) ao Jornal do Meio Dia da Serra Branca FM. A auxiliar disse que pegou a pasta às escuras, uma vez que tentou, mas não conseguiu ter uma transição adequada de governo.
 
Débora afirmou que ainda está tomando nota do patrimônio da Secretaria, do corpo funcional e da infra-estrutura das unidades de saúde para só então avançar no atendimento à população. Segundo a secretária, o primeiro e maior desafio que se apresenta neste início de gestão é o término do convênio do município com o Funcep para a manutenção do hospital de Serra Branca.
 
“A antiga gestão tinha até 20 de dezembro para prestar contas ao Estado da aplicação do recurso para que o convênio fosse automaticamente renovado. Eu até tentei pedir isso ao antigo titular da pasta, mas não obtive êxito e essa prestação só se deu em 28 de dezembro, fazendo com que o Estado, até pela quebra de contrato, finalizasse o convênio”, explicou Débora.
 
Segundo ela, o município agora está organizando um novo plano de trabalho para apresentar um outro pedido de convênio, a fim de que o Hospital de Serra Branca não seja penalizado.
 
Quanto a UPA, Débora Charmene afirmou que por determinação do prefeito Sousinha, todos os estudos técnicos estão sendo viabilizados para que o quanto antes a unidade esteja funcionando e atendendo a população. “Temos o prédio pronto e o recurso para equipamento em caixa e vamos agora firmar os pactos com o Estado e Ministério da Saúde para abrirmos com efetividade nossa UPA”, garantiu a auxiliar.
 
Débora informou ainda que a nova gestão recebeu o convênio com o CISCO suspenso por falta de pagamento de seis meses. O prefeito sentará com o novo presidente do consórcio ainda esta semana para realizar um parcelamento e reabilitar os serviços especializados para a população que sofre com a interrupção do serviço.

VITRINE DO CARIRI
De Olho no Cariri

Compartilhe isso

Comentários