Passados 90 dias, polícia não sabe causa da morte de homens em poço

Policial 25/04/2017 às 16:48


 Após 90 dias da morte de quatro trabalhadores no distrito de Riacho Fundo, em Barra de São Miguel, a família das vítimas cobram esclarecimentos sobre a causa da morte. O acidente aconteceu no dia 12 de janeiro de 2017.

Segundo alguns familiares a resposta da polícia é a demora dos laboratórios em entregar os exames.
 
O diretor geral do Instituto de Polícia Científica, Israel Aureliano confirmou que a demora é em virtude de alguns exames serem feitos em laboratórios terceirizados.
 
Os homens morreram ao realizar a limpeza de um poço. Eles passaram mal e a causa poderia ter sido envenenamento.

Compartilhe isso

Comentários