Orquestra realiza concerto especial em comemoração aos 432 anos de João Pessoa

Cultura 02/08/2017 às 21:41


 Quase quatro séculos e meio de uma história rica permeada pela diversidade cultural. João Pessoa, a capital da Paraíba, completa 432 anos, com o tradicional concerto comemorativo da Orquestra Sinfônica da Paraíba (OSPB). Com participação de Cátia de França e Natalia Bellar, no Teatro A Pedra do Reino, o evento começará pontualmente às 20h30mim, neste sábado (5). A entrada é gratuita e a abertura dos portões se iniciará às 19h. A capacidade do teatro é de quase 3 mil lugares e sua ocupação ficará restrita a lotação do espaço. Não haverá entrega de ingressos. 

Para celebrar o aniversário, o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), apresenta espetáculo com a OSPB, concerto comemorativo referente ao aniversário da cidade de João Pessoa. Sob a a regência do maestro titular Luiz Carlos Durier, os músicos irão interpretar canções como “Coito das Araras” e “Ponta do Seixas”,  com participação de Cátia de França, além de “ A Lua e Eu” que terá interpretação de Natália Bellar. 
 
Vale destacar que o maestro Durier selecionou ainda outras músicas de um repertório de artistas paraibanos enquanto resultado de ações desenvolvidas pela orquestra focada no resgate, valoriação e visibilização da cultura paraibana. São elementos que apresentam dinâmica e inovadora propondo um permanente diálogo entre o erudito e o popular. A orquestra possui um longo período de apresentações e, aposta também, na qualidade musical de seus integrantes, com a incorporação da orquestra jovem na apresentação. 
 
O Teatro A Pedra do Reino, segundo maior teatro do país e o maior do nordeste, possui 11.763 m² de área construída e capacidade para quase 3 mil pessoas. O nome Pedra do Reino é uma homenagem ao escritor paraibano Ariano Suassuna, autor de obra homônima. O equipamento foi projetado para receber grandes espetáculos nacionais e internacionais. 
 
Sobre os Artistas
 
LUIZ CARLOS DURIER (Regente):  Natural de João Pessoa – Paraíba, Luiz Carlos Durier é o regente titular da OSPB Jovem há 17 anos. Seu trabalho direcionado para jovens músicos em formação tem reconhecimento em todo o Brasil. As suas interpretações cativantes e criativas produzem sempre sucesso de público e crítica. Sob sua batuta já se tornou tradição a Jovem apresentar estreias mundiais com excelente qualidade técnica e artística. Em setembro de 2013 foi nomeado diretor artístico e regente titular da OSPB.
 
NATÁLIA BELLAR (Cantora): Natural de João Pessoa, Nathalia Bellar mostra interesse pela música aos 15 anos, quando ganhou seu primeiro violão. Aos 19, entrou para o teatro, onde atuou por 4 anos e fez cursos na Funesc e na extensão da UFPB. Depois da riquíssima experiência como atriz, eis que a música torna-se seu principal ofício. A estreia como cantora aconteceu aos 23 anos, quando iniciou sua trajetória musical na noite. Adentrou no vasto universo da MPB e começou a se destacar por sua enorme capacidade interpretativa e por escolher canções sempre muito intensas, como sua personalidade. Fez participações importantes em shows de artistas de renome nacional, a exemplo de Daniela Mercury e Tunai.
 
CÁTIA DE FRANÇA (Cantora): Nascida em João Pessoa (PB), Cátia de França é cantora, compositora e multi-instrumentista. Em mais de 40 anos de carreira, Cátia gravou seis discos e se tornou uma lenda viva da música regional brasileira. Suas canções já foram gravadas por grandes nomes da MPB, como Elba Ramalho, Amelinha e Xangai, além de ter participado de festivais de música popular na década de 60, época em que viajou à Europa com um grupo folclórico.

Compartilhe isso

Comentários