Para fugir do rebaixamento o Belo precisa vencer fora o líder de casa

Esporte 05/09/2017 às 17:05


 Não vendo muito uma luz no fim do túnel, o Botafogo-PB, na Série C do Campeonato Brasileiro está preste a ser rebaixado. Após empatar em casa no último final de semana em 0x0 com o Asa - AL, lanterna do Grupo A, pela 17ª rodada, a equipe paraibana encerra sua participação na fase de classificação no próximo sábado, às 19h30, diante do Sampaio Corrêa-MA, líder da chave e garantido na próxima fase. Na zona do rebaixamento, o Belo precisa vencer o adversário, no Maranhão e torcer para que o Fortaleza derrote o Moto Clube-MA, no Ceará.

O representante paraibano tem 18 pontos em 17 jogos, contra 20 do Moto Club. Uma partida onde a equipe do Estado está de olho dentro e fora das quatro linhas. O elenco botafoguense se reapresentou na manhã de ontem, no Centro de Treinamento da Maravilha do Contorno, onde deu início aos preparativos para o confronto contra o líder Sampaio Corrêa, que acontecerá no Estádio Castelão, em São Luís, capital do Maranhão. A equipe deve deixar a Paraíba na quinta-feira com destino ao Maranhão.
 
Para o compromisso decisivo, o Botafogo não terá o volante Magno e o lateral esquerdo Alyson. Ambos estão suspensos. Afastados no empate diante do ASA, o goleiro Michel Alves, o lateral esquerdo Bruno Costa e o meia Roger Gaúcho também são dúvidas. O futuro do trio no Alvinegro ainda é um mistério. A pífia campanha do Botafogo na Série C jamais foi vista. Ao longo das 17 partidas, foram nove derrotas. Nenhum dos demais times que integram o Grupo A, no caso, outros nove clubes, perdeu mais que o Botafogo nesta edição da Série C. Nem mesmo o ASA de Arapiraca já rebaixado. O time alagoano foi derrotado em oito oportunidades.
 
A agonia do Belo começou na metade da temporada, quando a equipe ainda estava no G-4, mas foi perdendo partidas em sequência – um total de seis derrotas consecutivas – e acabou mudando de objetivo no decorrer da competição.
 

Compartilhe isso

Comentários