Luciano Cartaxo provoca Ricardo e pede demonstração de força do PSB

Política 14/11/2017 às 09:01


 O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD) contra-atacou as declarações do governador Ricardo Coutinho (PSB), que chamou a possível confirmação de aliança entre os partidos de oposição de factóide. Para Cartaxo, o socialista deveria fazer um encontro como o do PSDB para demonstrar sua força, já que vem questionando a dos partidos opositores. A troca de farpas começou depois que os tucanos realizaram um congresso onde reuniu também o PSD, o PMDB e outras legendas no último sábado (11).

 
"A oposição fez um encontro muito importante. Isso está repercutindo por toda a Paraíba, então eu acho que cabe ao governo fazer outro encontro, e não ficar dizendo que a oposição está conversando com A, com B ou com C. Nós estamos conversando entre si, e o exemplo fala por si só", afirmou.
 
De acordo com Cartaxo, o que vai pautar as atitudes da oposição é o que a população paraibana decidir e não o que o governador Ricardo Coutinho. "Nós tivemos o encontro muito representativo que foi além do PSDB. O PSDB deu o passo inicial nesse momento, mas que foi acompanhado por outros partidos. Então o que vai nos nortear não é o que o governo pensa ou deixa de pensar, quem escolhe os rumos da Paraíba é o povo", disse em entrevista à rádio Correio 98FM.
 
Segundo o prefeito, o PSDB deu uma demonstração de maturidade quando colocou apenas uma chapa que reconduziu à presidência do partido, o ex-deputado federal Ruy Carneiro. " O PSDB deu uma demonstração de muita maturidade porque conseguiu unificar o partido e tomar uma decisão bastante arejada, tomar uma decisão de apresentar uma chapa única e o partido deu um passo largo que a meu ver este passo é o caminho das oposições", destacou.
 
Cartaxo também fez duras críticas ao governo do estado e ao governador Ricardo Coutinho, falando de áreas como segurança pública e educação. "Depois de sete anos do governo do PSB, o paraibano tem confiança para sair de casa para passear nas ruas? Ele tem condição de deixar seu filho ir sozinho para uma escola? De sacar um dinheiro no banco ? Eu acho que não . Foi o governador que disse que ia resolver o problema da segurança em seis meses. Você acham que a saúde melhorou ? Por que é que tanta gente vem para João Pessoa e Campina Grande para serem atendidos? Quando você vai para educação, qual o grau de satisfação das famílias em relação a educação? Então é preciso ter maturidade para fazer essas questões", afirmou.
 

Compartilhe isso

Comentários