Pré-candidato ao governo, José Maranhão prevê estar no segundo turno

Política 27/11/2017 às 09:25


 O senador José Maranhão, presidente estadual do PMDB, revelou que está para receber nova pesquisa de opinião pública sobre a sucessão estadual de 2018, mas diz já dispor de dados/números no qual o projeta no segundo turno da disputa. Ele, contudo, ligou para contestar informações da IstoÉ sobre dinheiro guardado na campanha de 2014. "Está tudo declarado no meu Imposto de Renda, portanto, não existe ilegalidade alguma", frisou.

 
Maranhão acrescentou: "Tenho atividades empresariais na Paraiba e em Tocantins em patamar que volta e meia me exige ter alguma quantidade no cofre para as muitas demandas e circunstâncias, mas tudo formalizado e dentro da lei".
 
Na matéria, aliás, a Revista informara que não houve nenhuma irregularidade.
 
CAMPANHA - O líder peemedebista revelou que tem conversado com a maioria dos líderes políticos tratando de projetos para o Estado, especialmente o senador Cássio Cunha Lima, mas ainda não se reuniu com o governador Ricardo Coutinho com vistas a discutir sobre o assunto.
 
- Cremos que vamos ter as candidaturas de João Azevedo pela parte do Governo e ainda a do prefeito Luciano Cartaxo, mas não é ruim esse cenário para o PMDB, muito pelo contrário, porque nesse cenário vamos estar no segundo turno em condição imbatível - declarou.
 
Ele disse ainda que tem se animado com a reação aos contatos com lideranças dos diversos niveis.
 
VITRINE DO CARIRI
Walter Santos (WScom)

Compartilhe isso

Comentários